Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2016

RJ: Balada Matinal Wake mistura yoga e diversão na Gávea (13/07)

Rio receberá festa que reinventa a lógica urbana e traz DJs, performances, yoga e gastronomia saudável a partir das 7h30 da manhã

No próximo dia 13 de julho, quarta-feira, o Rio vai receber mais uma edição da primeira balada matinal do Brasil. Conhecida como WAKE, a festa acontece no 00 Rio de Janeiro, no Planetário da Gávea, às 7h30 da matina. O evento, que conta com yoga, música, dança e gastronomia saudável, começa logo nas primeiras horas da manhã e termina pontualmente às 9h30.

A WAKE é uma balada matinal que traz você para o aqui e agora por meio de uma celebração. É um convite para uma manhã mais prazerosa e um dia com mais significado. Um evento inusitado em que os todos se doam para participar, sendo que 100% do lucro é revertido para projetos sociais da cidade”, conta Lourenço Bustani, idealizador do evento. WAKE, do inglês ”acordar” (e que remete também a "awake" = despertar), propõe uma celebração da vida em pleno meio de semana, à luz do dia.
Como praxe em todas…

Coluna Inclusiva: Do Direito a acessibilidade? Da teoria a realidade

Por Gisele Rocha*
Acessibilidade é um atributo essencial do ambiente que garante a melhora da qualidade de vida das pessoas. Deve estar presente nos espaços, no meio físico, no transporte, na informação e comunicação, inclusive nos sistemas e tecnologias da informação e comunicação, bem como em outros serviços e instalações abertos ao público e de uso público, tanto na cidade, quanto no campo”. Esse texto esta no site da secretária da pessoa com deficiência do governo federal, mas não condiz com a realidade da acessibilidade para pessoas com deficiência do nosso país.
As cidades estão até tendo boa vontade e “quebrando o galho”, mas só isso não basta. Ontem enquanto eu navegava nas redes sociais, vi uma publicação que me despertou a vontade de escrever sobre esse tema. A Juliana Santos é estudante do curso de assistência social e conselheira tutelar da cidade do Rio de Janeiro, ela tem nanismo e está fazendo um projeto de pesquisa voltado para acessibilidade nos transportes públicos. A…

Rio ganha "Dia Estadual do Nanismo"

Projeto de Daniele Guerreiro em defesa das pessoas com deficiência é sancionado pelo governador


O Projeto de Lei da deputada Daniele Guerreiro (PMDB) que institui o dia 25 de outubro como o "Dia Estadual do Nanismo" no calendário oficial do Rio foi sancionado pelo governador em exercício, Francisco Dornelles e publicado no Diário Oficial desta quinta, 23. A Lei 7.319/16 é uma vitória para a pessoa com deficiência, em especial com nanismo (baixa estatura).
"Sou assistente social, sempre lutei pela causa da pessoa com deficiência e sei de todas as dificuldades e preconceitos que eles sofrem. É um ganho para a pessoa com nanismo e que se estende aos seus parentes. Eles precisam ter garantias e viver com dignidade" comemora a parlamentar.
Kenia Maria Rio, presidente da Anaerj (Associação de Anões do Estado do Rio de Janeiro), comemorou. "Essa Lei é um marco para nossa comunidade, um grande avanço no combate ao preconceito que muitos de nós sofremos nas ruas e esc…

SP: Instituto Gabi promove festa julina em prol da Pessoa com Deficiência (02/07)

O Instituto Gabi, localizado na zona sul de São Paulo, promoverá sua tradicional Festa Julina, no dia 2 de julho, das 11h às 17h. A festança acontecerá em sua sede, localizada na rua Gustavo da Silveira, 128, Vila Santa Catarina, São Paulo.
Já estão programadas a quadrilhas com os atendidos, com as famílias e, claro, com os convidados que quiserem juntar-se à dança. E, para tornar a tarde ainda mais especial, não faltarão delícias tipicamente juninas.
A renda da Festa Julina já tem uma importante destinação: será revertida para manter o atendimento de Fonoaudiologia, essencial para as crianças e jovens atendidos. “Só temos verba para pagar pelos atendimentos até julho”, alerta o presidente do Gabi, Francisco Sogari, jornalista e professor universitário. “Nossa expectativa é dar sequência a partir do que angariarmos no evento”.
O Instituto Gabi comemora 15 anos de atuação. É uma referência de qualidade em seu campo de atuação, por meio do Núcleo de Apoio à Inclusão de Pessoas com Defi…

Coluna Inclusiva: Nanismo dentre as Leis de conscientização e ação

Por Gisele Rocha*


A comunidade da pessoa com nanismo no Rio de Janeiro, teve um encontro de gratidão. A presidente da Associação de Nanismo do Estado, Kenia Maria Rio se encontrou com a Deputada Daniele Guerreiro, em seu gabinete, que elaborou o Projeto de Lei, que institui o Dia Estadual do Nanismo. Em meio às emoções, a presidente agradeceu pela sensibilidade e dedicação da parlamentar, ao instituir a lei.
No Brasil são cerca de 400 tipos de nanismo e não existem planos de ação para combater o preconceito, nem para dar mais qualidade de vida a essas pessoas. Com o decreto 5.296, o nanismo é considerado deficiência no país, desde 2004, e considerados “anão ou anã” o individuo com até 1,45 metros.
A garantia dos direitos da pessoa com nanismo está assegurada por lei, mas quanto à conscientização de fato, já é outra história, na prática não funciona. As leis que estão sendo sancionadas pelo Brasil a fora serve para o combate ao preconceito, ao bullyng nas escolas, a ridicularização na …

SP: Crianças e adolescentes com câncer ganham Festa Junina, em Santo André (23/06)

A Casa Ronald McDonald ABC, administrada pela Associação Projeto Crescer por meio do Rotary Club, que atende crianças e jovens em tratamento de câncer, se transformará num grande Arraial nesta quinta-feira (23 de junho) a partir das 15 horas.

Organizada pela AVCC – Associação das Voluntárias para o Combate ao Câncer, a festa promete ser pra lá de animada e contará com barracas de brincadeiras, doces típicos, cachorro quente, pipoca e a tradicional quadrilha.

A Casa Ronald McDonald ABC está localizada na avenida Príncipe de Gales, 821 – Santo André - fone: (11) 4992-1440.


Coluna Inclusiva: Do direito a educação: A criança com deficiência e a escola

Por Gisele Rocha*



Vai chegando a idade de colocar nossos filhos com deficiência na escola, vai dando aquele frio na barriga. As dúvidas e o medo do preconceito são uma constante. Certa vez comentei com um colégio que iria colocar a Luiza (4) com nanismo, e na época traqueostomizada, no colégio e a diretora negou, dizendo não ter dinheiro para a cuidadora e as adaptações necessárias. Como eu não sabia do que poderia ser feito e por vergonha, deixei pra lá.
É assim que muitas famílias se sentem, com medo do que as crianças possam vir passar na escola. Hoje a Lei Brasileira de Inclusão (LBI - Lei 13.146/15), proíbe a escola negar vaga para qualquer criança com deficiência e nas escolas privadas, proíbe também a cobrança de qualquer tipo de taxa extra  nas mensalidades e anuidades, podendo a família entra na justiça contra a escola e acionar imediatamente a secretaria de educação do município.

Em Agosto de 2015, aConfenen (Confederação Nacional dos Estabelecimentos de Ensino) entrou com u…

Dia Mundial do Doador de Sangue: Confira a programação do Hemorio (14/06)

No Dia Mundial do Doador de Sangue, comemorado em 14 de junho, o Hemorio, hemocentro do RJ que abastece mais de 180 unidades de saúde veiculadas ao SUS, reforça a importância da doação de sangue no estado do Rio de Janeiro: nos últimos meses, a unidade vêm recebendo cerca de 150 voluntários, apesar de ter capacidade instalada para cerca de 500 doadores por dia.
- A doação de sangue é um ato de amor ao próximo. Precisamos contar com o engajamento e a solidariedade da população para manter os estoques de sangue abastecidos. É fundamental que as pessoas se conscientizem quanto à importância de doar sangue sempre e fazer disso um hábito – destaca o secretário de Estado de Saúde, Luiz Antônio Teixeira Jr.

A Organização Mundial da Saúde estima que o ideal é que entre 3 e 5% da população de um país seja doadora constante de sangue – como acontece no Japão e nos Estados Unidos, por exemplo. No Brasil, este percentual é inferior a 2% e no Rio de Janeiro fica em torno de 1,5%. Com a proximidad…

RJ: Pessoas com nanismo lutam por dia de combate ao preconceito

Por Gisele Rocha

A Associação de Anões do Estado do Rio de Janeiro (ANAERJ) decidiu lutar no congresso por um dia voltado ao combate do preconceito a pessoa com nanismo. “A sociedade, desde seus primórdios, marginalizou as pessoas com nanismo, mantidas sem direitos, atendimento e respeito, e entre as pessoas com deficiência, os que têm nanismo são os mais “ridicularizados e subestimados” pelos órgãos de comunicação, os maiores responsáveis por estimular preconceitos e lendas, é mais fácil chamar atenção para os impedimentos e aparências do que para os potenciais e capacidades de tais pessoas”, afirmou Kenia Maria Rio, presidente da ANAERJ.

Em 16 de Fevereiro, foi aprovado o Projeto de Lei nº PL 657/2015, de autoria do Senador Romário, pela Comissão de Educação, Esporte e Cultura (CE) do Senado, e segue para deliberação na Câmara dos Deputados, caso não seja encaminhada para votação em plenário. O dia 25 de Outubro foi escolhido pelo segmento em homenagem ao já falecido ator norte-amer…

Exposição e livro "Os jardins e a cidade" estreia no Jadim Botânico de São Paulo no dia do meio ambiente (05/06)

Durante um ano, a Família Müller – conhecida por viajar pelo Brasil e pelo mundo em busca de atrativos culturais, artísticos, gastronômicos e turísticos de diversos destinos – visitou as cidades de São Paulo, Curitiba, Rio de Janeiro e Recife. Os quatro locais, que possuem em comum grandiosos Jardins Botânicos, resultaram no livro e exposição “Os Jardins e a Cidade” que terá sua estreia no dia 05/06, no Jardim Botânico de São Paulo.
O público visitante poderá contemplar 14 painéis com 28 fotos escolhidas entre as mais de 2 mil fotos captadas para o Projeto. O ensaio fotográfico que aborda os jardins e a cidade procura mostrar a relação harmoniosa que há entre a natureza e a intervenção humana. Diversas fotos se completam formando praticamente uma única imagem mesmo sendo uma feita na natureza e outra totalmente urbana.
“Ao apuramos o olhar notamos o quanto a natureza nos inspira. Apesar da supremacia das cidades encontramos nos pequenos detalhes, nas vivências e na arte, sua presença …

Empresa de alimentação reduz em 42% o consumo de energia elétrica

No período de três anos a empresa Real Food Alimentação reduziu em 42% o consumo de energia elétrica
Santo André, SP. Após implantar mudanças nos processos e medidas educacionais junto aos seus colaboradores, a Real Food Alimentação, empresa especializada no fornecimento de refeições prontas ao consumo e líder no Brasil na área de alimentação transportada, reduziu no período de três anos o consumo de energia elétrica em 42%. 
Segundo a gerente de Gestão Integrada Valdelice Salvador, por iniciativa da diretoria, a Real Food Alimentação iniciou um intenso trabalho em busca da redução no consumo dos recursos naturais. No caso da energia elétrica, o consumo caiu de 1.734.571 Kw em 2013 para 1.004.425 Kw em 2015. “Mesmo com o aumento em nossa produção, conseguimos reduzir o gasto com energia elétrica por meio de algumas ações simples e com baixos investimentos”, explica.
Entre as ações adotadas está a troca de motores dos aparelhos de refrigeração por outros com maior eficiência energética,…